Sandro Dias 'Mineirinho'
Skate

Sandro Dias, é skatista profissional desde 1995. Considerado “Rei do 540”, manobra em que o atleta faz uma rotação de 540 graus, foi o primeiro skatista no mundo a acertar a manobra de 900 graus (dois giros e meio no ar) durante uma competição. Hexacampeão mundial pela World Cup Skateboarding (2003, 2004, 2005, 2006, 2007, 2011), tricampeão europeu (2001, 2003 e 2005) e colecionador de medalhas de ouro dos X Games – sete, no total.

HISTÓRIA
Sandro costumava pegar emprestado o skate do irmão de um amigo de infância, colocava um pneu de carro em cima e descia sentado nele a ladeira da garagem de seu prédio, por volta de 1986. Mas foi quando ganhou o primeiro skate do pai, no Natal, que começou a frequentar diariamente uma pista para treinar. Os treinos renderam uma rápida evolução técnica e, ainda aos 13 anos, foi campeão brasileiro de street iniciante.

A trajetória de Mineirinho teve em 2003 um de seus pontos altos. O skatista venceu quatro torneios consecutivos, abrindo uma vantagem confortável no ranking, e assegurou seu primeiro título mundial. No ano seguinte, conquistou a primeira medalha de ouro nos X Games de Los Angeles, um dos principais eventos do esporte no mundo. Em 2006, continuou crescendo e contou 6 vitórias em 11 competições, entre elas o X Games, a inédita vitória no Dew Tour e o quarto título mundial.

Para celebrar a boa fase, criou em 2006 o “Dia D – skate, musica e diversão”, em Santo André, evento que inclui o Campeonato Sandro Dias de Skate Vertical Amador (o vencedor ganhava uma passagem para disputar um importantíssimo campeonato mundial nos EUA), show da banda Charlie Brown Jr e apresentação de atletas profissionais, incentivando a prática do skate no Brasil. O evento teve 3 edições (2006, 2007 e 2008) levando mais de 100 mil pessoas e transmitido ao vivo para milhões de pessoas pelo canal SPORTV.

Principal responsável pela mudança da imagem do skatista no Brasil e no mundo, Sandro Dias é um exemplo de caráter vencedor, perseverante, correto e um exemplo para o país.